Israel Institute of Biblical Studies

CANAL COSTUMES BÍBLICOS

segunda-feira, 21 de março de 2016

O que é Dispensação?

Texto de referência: Efésios 1.10
A palavra traduzida como dispensação aqui é oikonomia, um vocábulo que é empregado três vezes no texto grego de Efésios. O apóstolo escreve sobre:
  • A dispensação da plenitude dos tempos  (Ef 1.10).
  • A dispensação da graça de Deus (Ef 3.2).
  • A dispensação do mistério (Ef 3.9).
Nesse ponto, talvez seja útil definirmos brevemente o conceito de dispensacionalismo conforme foi desenvolvido por Paulo.
As palavras gregas oikonomia e oikonomos são encontradas cerca de 19 vezes no Novo Testamento. Essas palavras gregas são traduzidas como diversas palavras em português:
  • Repartidor, mordomo ou despenseiro (Lc 12.42; 16.1,3,8; 1Co 4.1,2; Tt 1.7; 1Pe 4.10).
  • Mordomia (Lc 16.2-4).
  • Dispensação (1Co 9.17; Ef 1.10; 3.2; Cl 1.25).
  • Comunhão (Ef 3.9).
  • Edificação (1Tm 1.4).
A palavra dispensação tem sido definida de diversas maneiras:
  • É um período de tempo durante o qual o homem é testado com respeito à obediência a algumas revelações específicas da vontade de Deus. (Scofield Bible)
Logo, a ideia central na palavra dispensação é a de conduzir ou administrar os negócios de uma família.
Quanto ao uso do vocábulo nas Escrituras, o termo dispensação pode ser definido como mordomia, administração, supervisão ou direção da propriedade de outros. Como já vimos, isso envolve responsabilidade, prestação de contas e fidelidade por parte do mordomo. [...]Uma dispensação é fundamentalmente um acordo de mordomia, e não um período de tempo (embora esse acordo obviamente deva vigorar por certo período de tempo)[...]. Uma dispensação é basicamente o acordo envolvido, e não o tempo envolvido; uma definição apropriada terá de levar isso em consideração. Uma definição concisa é a seguinte: "Uma dispensação é uma economia distinguível na realização do propósito de Deus". (RYRIE, Charles. Dispensationalism.p.25,29,31).
Resumindo: O dispensacionalismo vê o mundo como uma família dirigida por Deus. Deus está dispensando ou administrando as questões deste mundo-família de acordo com a Sua própria vontade e por meio de vários estágios de revelação no decorrer da história. Esses diversos estágios marcam economias distintamente diferentes na realização do Seu propósito total, e essas economias são as dispensações.
Uma dispensação é o período de tempo que expressa o ponto de vista divino sobre a história humana. Em outras palavras, dispensações são categorias da história humana, o sumário divino da história, a interpretação divina da história humana. (THIEME, R.B. Dispensations.p.8).
As divisões do dispensacionalismo: diferentes números de dispensações têm sido sugeridos. Algumas pessoas veem quatro. Scofield oferece sete. A lista a seguir sugere nove.

  • A dispensação da inocência: da criação do homem à sua queda (Gn 1.26--3.6).
  • A dispensação da consciência: da queda do homem ao dilúvio (Gn 3.7--6.7).
  • A dispensação do governo civil: do dilúvio à dispensação de Babel (Gn 6.8--11.9).
  • A dispensação da promessa, ou governo patriarcal: de Babel ao monte Sinai (Gn 11.10--Êx 18.27).
  • A dispensação da Lei Mosaica: do monte Sinai ao Dia de Pentecostes (Êx 19.1--At 1.26).
  • A dispensação da Noiva do Cordeiro -- a Igreja: do Dia de Pentecostes ao arrebatamento (At 2.1--Ap 5.14).
  • A dispensação da ira do Cordeiro - a tribulação: do arrebatamento à segunda vinda [de Jesus] (Ap 6.1--20.3).
  • A dispensação do governo do Cordeiro - o milênio: da segunda vinda ao julgamento do grande trono branco (Ap 20.4-15).
  • A dispensação da nova criação do Cordeiro - o mundo sem fim: do julgamento do grande trono branco por toda a eternidade (Ap 21.1--22.21).
Mantendo esse sumário em mente, podemos ver que, em Efésios 1.10; 3.2,9, Paulo está descrevendo a sexta dispensação, ou seja, a dispensação da Igreja.

Até a próxima!
Fica na paz!

9 comentários:

  1. Meu nobre irmão obrigado pela abordagem. ajudou-me.
    Entre tanto, saiba que o fundo Azul faz mal as vista. deste jeito quase não dá para ver além de que as vistas doem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por comentar querido irmão! Atualizamos o tamanho da fonte e marca d'água para melhor aproveitamento da leitura. Seu comentário é muito importante para que continuemos com o aperfeiçoamento na entrega dos conteúdos destinados à edificação do corpo de Cristo. Nosso Mentor e Salvador Yeshua!Paz!

      Excluir
  2. Nossa. Eu consigo ler bem direitinho.

    ResponderExcluir
  3. Material muito relevante.
    Obrigado.

    ResponderExcluir
  4. Muito bom, esclarecedor, obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém! Volte mais vezes. Será sempre bem vindo! Obrigado por comentar!

      Excluir
  5. Site maravilhoso, de didática ímpar, singular e de grande Utilidade , para a comunidade cristã, Deus abençoe sempre e Ricamente, parabéns à TODOS !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém! Obrigado pelo carinho querido irmão. Volte sempre. Graciosa paz!

      Excluir

Obrigado por comentar! Fica na paz!
E peço isto: que o vosso amor cresça mais e mais em ciência e em todo o conhecimento,
Para que aproveis as coisas excelentes, para que sejais sinceros, e sem escândalo algum até ao dia de Cristo;
Cheios dos frutos de justiça, que são por Jesus Cristo, para glória e louvor de Deus.
Filipenses 1:9-11

Postagem em destaque

POR QUE CAFARNAUM?

Mateus, fiel ao seu propósito de demonstrar que Jesus cumpriu as antigas profecias, viu na decisão do Mestre em escolher Cafarnaum por re...