INÍCIO


O que é A Bíblia Responde?

Um Blog de Perguntas e Respostas sobre as Sagradas Escrituras.

A busca pelo Conhecimento, leva você ao Crescimento Espiritual e o torna em constante amadurecimento como cristão! Junte-se a nossa comunidade e vamos crescer juntos!





BÍBLIA - Informações gerais
É o livro mais traduzido, mais distribuído e mais lido no mundo (Fonte: SBB).
É o livro mais vendido no Brasil e o 8º mais produzido.
O livro mais perseguido. O filósofo francês Voltaire prometeu acabar com todas as Bíblias na França. Pouco anos depois de sua morte, sua casa foi comprada pela Sociedade Bíblica e transformada em um depósito de Bíblias.
Contém 66 livros, 1.189 capítulos, 31.101 versículos e 783.137 palavras.
A palavra Deus aparece 3.358 vezes.
A palavra Senhor ocorre 7.736 vezes.
Demorou 16 séculos para ser escrita.
É absoluta e totalmente harmoniosa.
Classes de pessoas que a escreveram: estadista, pastores, médicos, funcionários públicos, reis, pescadores etc.




O DEVER DE LÊ-LA PUBLICAMENTE

Referências bíblicas: Dt 31.10-13; Jr 5.20; 11.6; 36.6,8; Cl 4.16; 1Ts 5.27.

O QUE SIGNIFICA PARA O CRENTE?

  • Seu alimento: 1Pe 2.1,2.
  • Sua riqueza: Sl 119.72.
  • Sua lâmpada: Sl 119.105.
  • Sua espada: Ef 6.17.
  • Sua mensagem salvadora: Rm 1.16.
  • Sua revelação do futuro: 2Pe 1.19.
  • A Palavra de Deus: Jo 17.17.

SUA AÇÃO ILUMINADORA

Referências bíblica: Sl 119.105.
Ilumina a curta distância: lâmpada para os pés.
Ilumina a longa distância: luz para o caminho

SUA AÇÃO PURIFICADORA

Purifica a alma e a mente: Sl 119.9

BÍBLIA, conteúdo

Exemplos para serem seguidos.
Mandamentos para serem obedecidos.
Promessas para serem reivindicadas.
Pecados para serem evitados.
Mensagens para serem lembradas.
Bênçãos para serem possuídas.
Verdades para serem cridas.

DIFERENTES MANEIRAS DE ESTUDÁ-LA

VISITE-NOS!
  • Por livros
  • Por capítulos
  • Por biografias
  • Por tópicos
  • Por parábolas
  • Por milagres
  • Por números
  • Por temas doutrinários
  • Cronologicamente
  • Tipologicamente
  • Dispensacionalmente

Publicitando:


BÍBLIA, a Palavra de Deus

É a fonte da revelação divina: Rm 10.17; 2Pe 1.21.
É o plano da salvação da humanidade: 1Jo 2.14; Ap 19.13.
É o mapa do caminho ao céu: 1Tm 4.5; Jo 5.24; 8.52.
A sua mensagem é eterna: Mc 13.31; Lc 21.33; Is 40.8.
A sua mensagem é viva: Hb 4.12; 1Pe 1.23.

BÍBLIA ANALISADA

Um livro inspirado: 2Tm 3.10-17.
Uma palavra eterna: Sl 119.89.
Uma mensagem frutífera: Is 53.6-11.
Para ser recebida com alegria: At 17.10-15.
Para ser recebida co o coração: Dt 6.4-9.
Para permanecer aberta: Lc 4.16-22.
A revelação de Deus: Ap 1.1-6.

BÍBLIA COMO ESCRITURA

Escritura: Mc 12.10; Lc 4.21.
Escrituras: Jo 5.39; Mt 21.42; Rm 15.4.
Escritura da verdade: Dn 10.21.
Santas Escrituras: 2Tm 3.15; Rm 1.2.

BÍBLIA E CIÊNCIA

Em Jó 28.5, lemos: a terra de onde procede o pão, embaixo é revolvida como por fogo. Este versículo relaciona-se com o magma, sendo, portanto, uma declaração de conteúdo científico; geológico.

BÍBLIA NO ANTIGO TESTAMENTO, dividia-se em três partes

Lei: Lc 24.39.
Profetas: At 3.18,21. 
Salmos: At 13.35.

BOAS NOVAS DA BÍBLIA

Para os cansados: Mt 11.28; Is 40.28.
Para os tristes: Jo 16.20-27; Gl 5.22.
Para os fracos: Sl 62.11.
Para os enfermos: Êx 15.26; Tg 5.15.

A maioria dos leitores da Bíblia sabe que o Novo Testamento é uma coleção de evangelhos, cartas e ensinamentos que datam da época dos primeiros judeus seguidores de Jesus. O termo inglês vem do latim, Novum Testamentum , que geralmente é atribuído ao escritor cristão primitivo Tertuliano (século II dC). No entanto, os leitores modernos podem achar irônico descobrir que quando a própria Bíblia menciona “Novo Testamento/Aliança” (καινὴ διαθήκη; kaine diatheke ) isso não significa esta coleção de escritos apostólicos. ( leia o artigo anterior, “Nova Aliança ou Novo Testamento?” )
Nos Evangelhos, Jesus usou o termo “Nova Aliança” quando falou de seu auto-sacrifício (Lc 22,20). Shaul (Paulo) repetiu as palavras do Messias sobre uma Nova Aliança para seu próprio grupo de crentes em Corinto (1 Coríntios 11:25). O escritor de Hebreus usou o termo (em Hebreus 8:8; 9:11-15) com referência à promessa feita por Jeremias de uma “nova aliança” para Israel e Judá (Jeremias 31:31-34). O objetivo de Hebreus era mostrar que Yeshua é o Messias que introduziu um novo e melhor sacerdócio. Paulo também usou o termo “nova aliança” (2 Coríntios 3:6, 14) – referindo-se a si mesmo e a seus colaboradores como “ministros da nova aliança”. Sem dúvida, Paulo também se apoiou na promessa da nova aliança de Jeremias em busca de inspiração. Deus declara através de Jeremias,
31 “Eis que vêm dias, diz o Senhor, em que farei uma nova aliança com a casa de Israel e a casa de Judá, 32 não como a aliança que fiz com seus pais no dia em que os tomei por a mão para tirá-los da terra do Egito, minha aliança que eles quebraram, embora eu fosse seu marido, diz o Senhor. 33 Porque esta é a aliança que farei com a casa de Israel depois daqueles dias, diz o Senhor: Porei a minha lei no meio deles, e a escreverei no seu coração. E eu serei o seu Deus, e eles serão o meu povo. 34 E não mais ensinará cada um ao seu próximo e cada um ao seu irmão, dizendo: 'Conhece o SENHOR', porque todos eles me conhecerão, desde o menor até o maior, declara o SENHOR. Pois perdoarei a sua iniquidade e não me lembrarei mais do seu pecado”. (Jr 31:31-34 NVI)Esta Nova Aliança/Testamento (בְּרִית חֲדָשָׁה; berit hadashah ) não é um livro, mas sim uma aliança — ou contrato teológico — que fala de andar com Deus em um relacionamento mais novo e mais profundo do que nunca.
De fato, a “Nova Aliança/Testamento” nem sequer é um paradigma teológico exclusivamente cristão. Escritos judaicos encontrados no Mar Morto e no Cairo Geniza desenvolvem uma ideia teológica idêntica baseada nas palavras de Jeremias — muito antes de Jesus e dos apóstolos. Os judeus de Qumran chamavam a si mesmos de “a comunidade da nova aliança” e falavam em “entrar na nova aliança” (Zadokite Fragments ou CD vi 19; viii 21; xix 34; 1QpHab ii 3-4). De fato, o “Novo Testamento” é um título. Na tradição cristã posterior, o Novo Testamento tornou-se uma descrição da coleção de escritos apostólicos, mas, biblicamente falando, a Nova Aliança não é um livro.
(*Esta película é parte de um artigo publicado em Israel Bible Center)

BEM VINDOS À BÍBLIA RESPONDE!


Postagem em destaque

O que é "A Salvação Dos Judeus"?

Qual foi o sentido da famosa frase de Jesus? A Salvação Dos Judeus! Uma das conversas mais importantes registradas nos Evangelhos é certamen...