domingo, 6 de setembro de 2015

E NAAMÃ?

E NAAMÃ?
Naamã, o soldado vitorioso.
Ele era o comandante do exército Sírio nos dias do profeta Eliseu (2Rs 5.1).
Ele era um homem bom e corajoso, usado por Deus para dar vitória ao povo Sírio (2Rs 5.1).
Naamã, o soldado sofredor.
Ele sofria de lepra (2Rs 5.1).
Naamã, o soldado que busca.
Ele descobriu o poder sobrenatural de Eliseu por meio de uma jovem israelita que o servia em sua casa. (2Rs 5.2,3).
Agindo conforme o seu testemunho, ele visitou Jorão em Jerusalém (o filho mais velho de Acabe), pedindo para ser curado da lepra (2Rs 5.44-6).
Esse infiel e impotente rei não podia oferecer ajuda alguma e ficou muito aliviado quando Eliseu concordou em encontrar-se com Naamã (2Rs 5.8).
Naamã, o soldado contrariado.
Ao chegar à casa de Eliseu, Naamã foi instruído, por um servo do profeta, a lavar-se sete vezes no rio Jordão para obter a cura (2Rs 5.9,10).
A ira de Naamã (2Rs 5.11,12).
Ele esperava que Eliseu o recebesse pessoalmente e, de forma dramática, o curasse.
Ele queixou-se; pois, se o processo de lavagem fosse realmente necessário, os rios de Damasco eram muito mais limpos que o Jordão.
O conselho para Naamã.
Seus servos deram-lhe um ótimo conselho (2Rs 5.13): Meu pai, se o profeta te dissera alguma grande coisa, porventura, não o farias? Quanto mais, dizendo-te ele: Lava-te e ficarás purificado.
Naamã, o soldado salvo.
Sua salvação física.
Naamã obedeceu a Eliseu, banhando-se sete vezes, e foi instantaneamente e completamente curado (2Rs 5.14).
Sua salvação espiritual (2Rs 5.15-17).
Ele colocou-se diante de Eliseu e reconheceu que o Deus de Israel era o único Deus verdadeiro.
Ele ofereceu um presente a Eliseu, que foi recusado pelo profeta.
Ele jurou nunca mais oferecer ofertas de holocausto a qualquer deus que não fosse o verdadeiro.
Ele até levou uma carga de terra israelita de um jugo de mulas com ele para Damasco a fim de fazer um altar para o Senhor em casa.
Naamã, o soldado seduzido (2Rs 5.20-27).
No caminho de volta à Síria, Naamã foi abordado por Geazi, servo de Eliseu, que, por avareza, mentiu para ele, alegando que o profeta mudou de ideia e precisava do presente de Naamã para ajudar outros profetas.
Naamã deu-lhes dois sacos de dinheiro e duas túnicas caras.
Ao voltar para casa, entretanto, Geazi foi punido por isso. A lepra de Naamã foi repassada para ele de forma sobrenatural.
  • Jesus usou a história da cura de Naamã durante um sermão que pregou na sinagoga de Sua cidade natal, Nazaré, para ilustrar a fé dos gentios e a fidelidade de Israel (Lc 4.27).
  • Naamã, então, tornou-se o único homem do Antigo Testamento a ser curado da lepra.
Dados
Citado pela primeira vez na Bíblia: 2Rs 5.1.
Citado pela última vez: Lucas 4.27.
Significado do nome: "Agradável".
Mencionado: 11 vezes.
Livros da Bíblia que citam Naamã: dois livros (2Rs, Lc).
Cargo: comandante militar (2Rs 5.1).
Detalhe importante sobre a vida de Naamã: ele foi curado da lepra.






Até a próxima! Fica na paz!